Veja como usar imagens do Papa corretamente

Uso indevido de fotos pode gerar ação judicial e pagamento de indenização

Foto: Santiago Mejía LC/Cathopic

Você sabia que o uso indevido de imagens do Papa Francisco pode resultar em processo judicial ou pagamento de indenização? Para evitar problemas como esses, o Dicastério de Comunicação do Vaticano divulgou carta às paróquias, dioceses e comunidades da Igreja Católica ao redor do mundo com orientações sobre a utilização correta de fotos do Santa Padre. O uso é permitido, desde que respeitados os direitos autorais pertencentes às agências privadas de imagem.


Isso quer dizer que, para usar fotos do Papa Francisco, o correto é buscar imagens no site www.vatican.va e não no endereço www.vaticannews.va, que utiliza fotos privadas de agências com as quais o Dicastério firmou acordos que não podem ser estendidos a terceiros. Já as imagens usadas pelo Vatican.Va são de propriedade do Vatican.Media, portanto podem ser buscadas sem problemas. Deu para entender?


Para os sites institucionais de Conferências Episcopais, dioceses, paróquias e instituições relacionadas, o Dicastério de Comunicação concede o uso gratuito até o máximo de 10 fotos por mês. É obrigatório que a publicação da foto seja acompanhada pelo “copyrigth@ Vatican Media”. As orientações do Dicastério tratam também do acesso às páginas e plataformas de comunicação e informação da Santa Sé.


CLICA AQUI E CONFIRA AS ORIENTAÇÕES DO DICASTÉRIO DE COMUNICAÇÃO.


Informações: www.cnbb.org.br

Destaques