Buscar

Papa Gregório V

138º Papa da Igreja Católica Romana (996-999)

Nascido na Saxônia, primeiro papa alemão e indicado pelo imperador Oto III, foi eleito papa em 3 de maio (996), com apenas vinte e seis anos de idade e adotou o nome de Gregório, que significa "o que vigia". Oto III, estava a caminho de Roma, passando por Rávena, quando soube da morte de João XV. O imperador imediatamente designou como novo papa o capelão da corte, Bruno, um jovem honrado, letrado e piedoso, filho do duque Oto de Carintia e neto de Oto, o Grande.


Havia muitos anos (772) que Roma não tinha um papa estrangeiro e esse papa alemão teve muitas dificuldades para assumir o trono papal. Quem mandava em Roma era João Crescêncio Nomentano, o Crescêncio II, filho de Crescêncio I, que se tornara mais poderoso que seu pai e recuperara o título de Patricio dos romanos, que correspondia ao de imperador.


Com a morte de João XV (996) Crescêncio II, por sua parte, aproveitou a oportunidade para demostrar quem era o verdadeiro amo de Roma e apressou-se em indicar seu nome de confiança (996), um grego chamado João Filagato, antigo capelão da imperatriz Teófane, mãe e regente de Oto III, bispo de Piacenza, para sucessão (985-996).


Este antipapa, que adotou o nome de João XVI, incitou as tropas gregas da Itália a posicionarem-se contra Oto. O papa foi obrigado a refugiar-se em Pavia, onde convocou um sínodo e excomungou Crescêncio e João. Oto tomou Roma, prendeu e decapitou Crescêncio no castelo de Santângelo.


Em fuga Filagato foi capturado pelas tropas alemãs do imperador, que aplicaram ao antipapa os métodos gregos de punição: furaram seus olhos, taparam seus ouvidos e cortaram seu nariz, e o entregaram ao papa. Este reuniu um sínodo em que o antipapa foi despojado de seus atributos papais e; em seguida, o exibiu publicamente montado sobre um burro.


Finalmente o encerrou em um convento onde o mesmo ainda viveu por quinze anos. Depois de estabilizar-se no poder, o papa pode ocupar-se exclusivamente da Igreja. Instituiu a comemoração dos defuntos, transladou para Santa Maria Nova, em Roma, o corpo de Santa Lucila. Realizou vários sínodos na Alemanha e em Roma, para reformar a Igreja e o clero.


Veio a falecer ainda muito jovem, em 18 de fevereiro (999), aos 29 anos de idade, em Roma.


Fonte: Portal São Francisco


Clique aqui para conhecer outros Papas da Igreja Católica.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo