Buscar

Inocêncio IV

180º Papa (1243-1254)

Nascido em Gênova, foi escolhido em 28 de junho (1243) como sucessor de Celestino IV (1241), após quase dois anos de vacância do trono pontifício. Teve que lutar duramente contra o imperador Frederico II e, por este motivo, teve que abandonar temporariamente Roma.


Filho do Conde de Lavagna, foi encaminhado para a carreira eclesiástica, tornando-se bispo de Albenga e ocupando altos cargos na administração pontifícia. Foi nomeado cardeal (1227) e eleito papa, com fama de canonista. Seu primeiro ato político teve o objetivo de esclarecer as relações da Santa Sé com o imperador Frederico II.


O monarca ofereceu a restituição das terras eclesiásticas, que ocupara anteriormente, em troca de uma investidura feudal dessas terras por parte do papa, porém como o pontífice desejava obter a separação entre o Reino da Sicília e o da Alemanha preferiu abandonar as negociações de paz.


Em conflito aberto com o imperador e diante das novas ofensivas das forças imperiais, fugiu disfarçado, de Roma (1244), e refugiou-se primeiro em Gênova, depois na França, onde presidiu o XIII Concílio Ecumênico, convocado em Lião (1245) para depor o imperador e proclamou uma cruzada, a sétima, com Luís IX, rei da França, contra Frederico II, declarado-o perjuro e sacrílego e excomungando-o pela terceira vez, mas o movimento fracassou.


Costurou um grande movimento antiimperial e uma rede de alianças familiares, especialmente na Alemanha, junto com um grupo de eclesiásticos, fiéis a Roma (1246-1247), conseguindo sublevar algumas cidades contra a imperador e fortalecendo a Liga Lombarda.


Três anos depois da morte de Frederico (1250) voltou a Roma (1253), mas teve que empreender uma luta armada contra Manfredo que, após a morte do irmão Conrado IV (1254), tencionava apoderar-se do reino siciliano. O papa de número 180, morreu subitamente em Nápoles, durante esse conflito, e foi sucedido por Alexandre IV (1254-1261). Antes de ser um homem da Igreja, foi um político que atuou assiduamente para impor a supremacia do papado na Itália e em toda a Europa, utilizando-se de todos os meios possíveis, temporais e espirituais.


Fonte: Portal São Francisco

Clique aqui para conhecer outros Papas da Igreja Católica.


Sigam nosso Instagram: @fraterno72

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo