Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria (Claretianos)

A Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria foi fundada no dia 16 de julho de 1849. Na cidade espanhola de Vic, onde Santo Antônio Maria Claret reuniu um grupo de 5 sacerdotes que comungavam com ele quanto às necessidades de evangelizar o povo, e com eles, iniciou esta "grande obra" para o serviço missionário da Palavra.

Claret, Apóstolo e Profeta

Antônio Maria Claret, homem de fé e de ação, homem da Igreja, foi um apóstolo incansável, um organizador moderno, que soube colocar as estruturas eclesiais a serviço do povo mais humilde. Para isso, em Cuba lutou contra a escravidão e entre outras obras, fundou Caixa de Previdência, para apoiar os agricultores pobres e uma Escola Agrícola, para educar os seus filhos.


Na Evangelização, serviu-se da imprensa, fundando a famosa Editora-Livraria Religiosa, em Barcelona, que nos primeiros nove anos distribuiu cerca de nove milhões de livros e folhetos. Dizia que seu espírito era para todo o mundo e queria usar todos os meios possíveis para levar a Palavra de Deus aos quatro cantos da terra.


Claretianos, servidores da Palavra

A sua obra mais importante foi a fundação das Congregações dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria (Missionários Claretianos) e das Religiosas de Maria Imaculada para o Ensino (Missionárias Claretianas).


Os Missionários Claretianos hoje marcam presença evangelizadora nos cinco Continentes, em 60 países, usando muitos e variados meios e estruturas para evangelizar, na prestação de serviços paroquiais, de serviços em territórios missionários de vanguarda, de serviços educativos em Colégios, Faculdades, Institutos, de serviços nos Meios de comunicação social, como revistas, livros, rádios, televisões, internet; de serviços sociais em Creches, Centros da Juventude.


Memorial do Claretiano

O Missionário Claretiano faz um esforço para viver a definição de missionário que Claret nos deixou: "Um filho do Imaculado Coração de Maria é um homem que arde em caridade e abrasa por onde passa. Deseja eficazmente e procura por todos os meios inflamar o mundo no fogo do divino amor. Nada o detém. Alegra-se nas privações. Enfrenta os trabalhos. Abraça os sacrifícios. Compraz-se nas calúnias. Alegra-se nos tormentos e dores que sofre e gloria-se na cruz de Jesus Cristo. Não pensa senão em como seguir e imitar Cristo na oração, no trabalho e no sofrimento, procurando sempre e unicamente a maior glória de Deus e a salvação dos homens". (Claret).


Presença Claretiana no Brasil

No Brasil, a obra claretiana teve início em 1895, com a chegada dos primeiros dez missionários a São Paulo, de onde se difundiu para vários outros Estados. Hoje a Congregação está instituída no Brasil numa Província e uma Missão, (segue igual até Moçambique).


A sede da Província está à Rua Martim Francisco, 636, em São Paulo e a sede da Missão de Rondônia em São Miguel do Guaporé, à Av. Capitão Silvio 600.


Fonte: Portal Claretianos

Clique aqui para conhecer outras congregações e ordens religiosas.

3 visualizações0 comentário